Queda de Cabelo – Pós Bariátrica – Como devo proceder?

Olá queridos!

Queda de cabelo pós bariátrica.

Vamos falar de um tema que assombra girls no pós-bariátrica? QUEDA DE CABELO.

Aí, dá uma tristeza né? Um aperto.

Nossos lindos cabelos, cumpridinhos, cheirosos, limpinhos, caindo gradativamente, bate aquele desespero, bate arrependimento, bate melancolia.

Pois bem, vou te explicar essa tal de queda pós bariátrica.

Fazemos a cirurgia e temos uma queda brusca na ingestão de nutrientes, perda de peso agressiva nos primeiros 6 meses e uma quantidade menor de alimentos  nutrindo nosso corpitcho, certo? Certo.

Devido a isso, nosso organismo, lá pelo 3° mês de pós, quando todo o estoque de nutrientes e vitaminas que tínhamos pré-bariatrica foi consumido, o corpo começa a gritar por socorro, a dizer que  ta demais, – para sua louca. Essa resposta metabólica se dá primeiro, pela ingestão reduzida de calorias e vitaminas e para quem fez também a redução do intestino, a reduzida drástica na absorção de nutrientes provenientes dos alimentos.

Noto, nos acompanhamentos que faço por grupos que, se você fez, Bypass, seu organismo será mais afetado pela perda de peso rápida e consecutivamente responderá de forma mais agressiva na queda de cabelo.

– NOTA MENTAL: Os pelos crescem iguais ta? Hahahahaha. Que ódio.

 

Então, obviamente que temos aí um grande dilema, emagrecer com cabelo ou sem? Calma, calma, calma, NÃO PRECISAMOS SER 8 OU 80. Aqui tem meio termo.

banner02-12

Meu relato de 5º mês:

Comecei a sentir a queda de cabelo no final do segundo mês, o que eu fiz? PASSEI A TESOURA, fui a um ótimo cabeleireiro que é especializado em cachos em Curitiba, vendi meu querido rim e paguei R$ 165,00 temers  pelo corte mais perfeito do mundo.

Claro que só acho meu Chanel chiquerrimo agora, depois de semanas para se acostumar com cabelo curto, pois sempre fui de ter cabelão. Mas foi a melhor decisão no momento, eu não conseguia me ver penteando o cabelo com aquela queda toda e ele cumprido, me sentia culpada. Após cortar, iniciei um tratamento com alguns remédios para o couro cabeludo. Lembrando que sempre tive queda de cabelo drástica devido a um problema de couro cabeludo muito oleoso.

Tratamento:

1° Iniciei com aplicação de 15 dias de uma loção capilar por 15 dias para tratar uma caspa persistente, e utlizição de ClobShampoo, para tratar uma carepa, tipo esses de nenê, que eu tenho desde que fazia progressiva, a alguns anos atrás.

2° Após 15 dias, inseri a aplicação de outra loção, Minoxidil. Diariamente, no couro cabeludo seco (aplicação que faço até hoje).

3º Biotina 2x no dia, no 3 e 4 mês.

Não vi resultado neste tratamento acima, voltei na derma, chorei um pouco e ela me receitou o Exsynutriment, dose de ataque, 4 comprimidos dias.

Fez apenas 20 dias que tomo, já comecei a ver alguns resultados. Sei que não é imediato e estou entrando no 6º mês de pós, ou seja, já posso dizer que continuarei no Exsynutriment  pelos próximos dois meses, o preço dele é em torno de R$ 190,00 temers. Os resultados são alcançados com muita reposição de vitamina.

Lembrando que não adianta não tomar o cálcio, ferro, vitamina D, B12 e não ingerir a quantidade mínima de proteína/dia.

Então queridos, como ficam os gastos, vocês devem estar se perguntando, certo?

Vamos lá:

Exsynutriment  R$ 189.90

Minoxidil R$ 42,00

Biotina R4 36,00

(cápsulas validas para 30 dias – bem como os valores)

Valor total gasto por mês, durante três meses de ataque: R$ 267,90.

 

A queda de cabelo vai variar de pessoa para pessoa ok? Não se apavore, não desista.

Meu couro cabeludo é bem delicado e tenho que usar apenas produtos naturais, sempre fui meio “bichada” em relação a cabelo, e lembrando, tenho cabelo cacheado tipo 4A, ou seja, ele faz cachinho fechado, o que facilita a queda.

Bom, espero ter ajudado, dúvidas?

Me adiciona no face: https://www.facebook.com/poli.decassia?ref=bookmarks

 

Perda de Peso Excessiva Pós-Báriatrica

 Como lidar com a Perda de Peso Excessiva?

Queridos, queridos.

Adivinhem, após consulta com a nutri, descobri que estou emagrecendo mais que o indicado e minha dieta foi alterada.

Se estou feliz? Mais ou menos. Essa perda de peso excessiva, cerca de 47 quilos em 5 meses vem com pontos positivos e negativos. Os positivos vocês já sabem, mas os negativos, quais são?

1º Intestino funcionando de forma lenta;

2º Menstruação atrasa, muita cólica;

3º Queda de cabelo excessiva;

4º Enfraquecimento das unhas;

5º Fraqueza;

7º Muita flacidez (meu deus, meus peitos, kkkk)

Mudamos minha dieta e terei que inserir mãos grãos e mais óleo de oliva.

banner02-121

Como funciona meu prato, hoje, minha alimentação consiste em

Manhã: Leite em pó desnatado com capuccino 0% gordura, fatia de queijo branco.

Meio da Manhã: Depende, as vezes não como, ingestão de até 500ml de água.;

Almoço: Até 100gm de salada de folha verde, + pedaço de carne um pouco menor que a palma da mão. Salada temperada com tempero pronto e duas colheres de leite de oliva;

Tarde: Quando dá, uma fruta, um iogurte 0% gordura, café com leite desnatado;

Noite: Qualquer coisa que tiver de jante, umas 80g. As vezes, não janto.

Nós, pós-bariátricos não sentimos fome, sentimos vontade de comer. Notem que as vezes eu passo mais de 4 hrs sem comer, apenas por que, de tudo que pesquisei e li, é ilusão você se alimentar de 3 em 3 horas, você deve se alimentar quando sentir fome, como eu não sinto fome, priorizo três alimentações principais, desjejum, almoço e janta.

Não ingiro mais de 500klr por dia, em hipótese alguma eu me alimento por bobeira.

Como pelo menos 01 pedaço de algo doce ao dia.

Não tenho muitas reclamações. Tem várias coisas que me dão indigestão, glúten de qualquer espécie, chocolate em pedaços, até 100% cacau, açúcar refinado em qualquer alimento, comidas gorduroso + açúcar, ou apenas comidas gordurosas.

Salada e fruta vai que é uma beleza, em pequenas quantidades. Estes alimentos juntam muito liquido e saliva na boca, e vocês vão notar que alimentos muito líquidos viram uma bagunça para engolir, então precisa ser em pequenas quantidades.

Me adicionem no facebook: https://www.facebook.com/poli.decassia

 

 

MEU DIÁRIO PÓS-CIRÚRGICO – 04 MESES – CIRURGIA BARIÁTRICA

Olá Queridos!

Muito tempo se passou desde o ultimo post e muita coisa mudou. Venho atualizar vocês deste 04º mês de pós-op da cirurgia bariátrica. Várias coisas aconteceram, boas e ruins. Aqui vou falar um pouco da evolução da perda de peso e os prós e contras dos 04 meses.

1º Estava perdendo cerca de 3 quilos por semana, isso é bom, pois queremos muito perder rápido, e ruim pois agora estou anêmica;

2º Já como de tudo, tudo mesmo. Provei várias coisas novas, como vocês sabem, nosso estomago se torna o de um recém-nascido, precisamos testa-lo todas as vezes em que vamos comer algo novo. Como cerca de 80 gramas de comida e estou cheia, a uns dias atrás comi 112 gramas e fiquei com incomodo de barriga ESTUFADA por horas.

3º Não sinto fome, sinto vontade de comer. (GORDO, É NORMAL)

4º Doce me faz mal, vou tentar explicar a sensação, sabe quando tem aquele incomodo no estomago que a barriga fica “falando”, algo como “bluurrrh” então, e uma indigestão enorme. Não é qualquer tipo de doce, os que fazem mal são os com muita concentração de açúcar. Então evito. Bolachas destas de fibras doces vão bem.

5º Ainda não consigo comer pão. Bisnaguinha até vai, 01 unidade, fico entupida o resto do dia. Ainda não consigo comer arroz, quando vou comer comida japonesa, que desce super bem, os rolinhos com arroz eu não como.

6º Banheiro: Sacrifício extremo, prisão de ventre, vou no banheiro duas vezes na semana, a noite, coco de cabrito. HAHAHA.

7º Diminui os remédios e falarei mais deles no próximo post durante a semana.

8º QUEDA DE CABELO:

JEZUZ gente, que coisa horrível, estou assustada, lavando o cabelo 2x na semana, cai tanto, mas tanto, que estou entrando em parafusos. Também vou tirar fotos pra vocês verem o antes e depois, cortei o cabelo e agora ele está chanelzinho.

9º Minha pele está precária, essa mudança de hábitos está afetando pele, cabelo e unha. Minhas unhas estão cumpridinhas, vou mostrar pra vocês depois. Mas eu sempre tive unhas enormes, então estou tentando me adaptar.

10º Está semana senti muita fadiga, dor de cabeça e cansaço, pode ser que eu esteja anêmica (eu sei que estou, mas estou em fase de negação, pois como tudo direitinho, o problema é que foram 10 quilos por mês, foi muito agressivo, meu corpo não aguentou), vou no médico verificar isso na próxima semana.

Acho que em relação ao organismo é isso pessoal, abaixo mostro a vocês minha atualização de peso. Notem que alterei o peso inicial para 133, que foi o peso que iniciei o processo da bariátrica e meu médico falou que é por este que ele colocou a meta de 65kg. Estava com 133kg quinze dias antes da cirurgia, aí fiz dieta para perder um pouco e cheguei a 127, esta dieta já entra para a contagem. Dieta liquida com restrição de um milhão de coisas. Nunca façam por conta.

 

 

modelo-facebook-att-peso-recuperado

Relembre meu diário de 14 dias e como a mudança foi rápida: http://www.missbigg.com.br/diario-pos-gastroplastia-14-dias/

Vai um Chá aí? – Hibisco

Amigos queridos,

Vamos falar de Hibisco para bariátricados?

60556-OA7PTH-765VAI UM CHÁ INSTA-01

Pensei em fazer alguns posts sobre meus chás. Não sou uma grande adepta, para mim será sempre água com sabor. Bhlé. Mas ok, estou reensinando meu paladar a gostar de coisas naturais (sem mais junk food).

Tenho alguns problemas que podem ser resolvidos com produtos naturais, e como já tomos muitos remédios pós cirúrgicos, ando optando por tudo o que tem de natural e que esse mundão nos dá.

O chá de hoje é o que tomo diariamente: Hibisco.

Aí você me pergunta – Mas que diacho é Hibisco?

Hibisco é uma linda flor, como vocês podem ver na foto abaixo. O botão da flor passa por um processo de secagem, e se torna esse pequeno e enrugado botão seco.

Segundo o site MinhaVida: “O Hibisco é rico em substâncias antioxidantes como flavonoides e ácidos orgânicos. Estes nutrientes proporcionam diversos efeitos benéficos, entre eles, a ação diurética, impedindo a retenção de líquidos, e a capacidade de evitar o acúmulo de gorduras, principalmente na região da barriga e quadris.”

Eu tomo exclusivamente pela minha retenção de líquidos, apesar de não estar tomando nenhum anticoncepcional (um dos principais causadores das retenções de líquidos) não estou indo ao banheiro, e ingiro rigorosamente 1,5 de água filtrada no minimo, pois são 250ml a cada intervalo de refeição.

Além disso, olha só o que um copo de chá de 200ml carrega:

  • 213% de vitamina B1
  • 123% de ferro
  • 82% de vitamina C
  • 15% da vitamina B2
  • 5% de vitamina A

Para nós bariátricados, onde o corpo absorve apenas 30% de tudo que consumimos (Técnica Bypass), quando mais alimentos nutritivos colocarmos para dentro (rsrs) melhor. E olha esse FERRO minha gente, que maravilha! Adoro tudo que tem FERRO. Nossa deficiência no ferro é grande, temos que aproveitar e priorizar alimentos com ferro também.

beneficios-cha-hibisco-receita

 

Como ingerir?

Então, todo o Chá tem sua melhor maneira de preparo, para que todos os nutrientes e vitaminas sejam conservados, vamos a minha receitinha:

01 cl cheia de Hibisco (flor seca)

300ml de água

Ferva água com 300ml, quando estiver fervendo, coloque a colher de hibisco e deixe ferver por 02 minutos, desligue e deixe descansar por 05 minutos com a tampa para abafar.

Coloque em uma xícara 200ml o chá coado, despreze o que sobrar. (não reutilizar as flores).

Eu tomo sempre durante a tarde, prefiro mais, pois tomo meus remédios pela manhã e tenho medo de tomar em horários parecidos e meu organismo não absorver os remédios como deveria. Já fazem 7 dias, estou começando a ver resultados. Na próxima semana começarei a alternar os chás e conto mais para vocês.

CONTRA-INDICAÇÕES:

Atenção, gestantes são proibidas de tomar o chá.

Bjinhooos,

Como fazer a Cirurgia Bariátrica pelo meu plano de saúde?

Olá queridos,

Temos aí uma grande dúvida que todos os pacientes iniciais que possuem plano particular ou empresarial têm. Como meu plano de saúde lida quando anúncio que quero fazer a gastroplastia?

Sobre a carência:

Tempo de plano particular: Planos particulares tem em sua grande maioria carência de dois anos. A carência significa que você deve pagar o plano por um período de 24 meses consecutivos para poder fazer procedimentos cirúrgicos em doenças pré-existentes (ex: obesidade, vesícula etc).

Tempo de plano empresarial: Você precisa verificar com sua empresa se seu plano tem mais de 100 vidas (ou 100 pessoas), se sim, não existe carência e você pode começar o processo de consultas a qualquer momento. Caso seu plano possua entre 30 a 99 vidas, a carência é de 6 meses (em alguns casos não tem carência). Se seu plano tem menos de 30 vidas, a carência é a mesma do plano particular, dois anos ou 24 meses.

O que os dois tem em comum?

2º Equipe Multidisciplinar: Alguns planos exigem que você participe de grupos de palestras e consultas com uma equipe especifica especializada em cirurgia bariátrica. Essas palestras demoram de 2 a 6 meses e podem acontecer uma vez na semana a uma vez no mês, a presença é obrigatória e normalmente são feitas no primeiro horário comercial da manhã, evitando grandes mudanças na rotina.

3º Tratamento de redução alimentar: A OMS em sua portaria, colocou como regra que os planos podem exigir que você passe por um programa de redução alimentar de até dois anos antes de liberar a cirurgia (mesmo que você já tenha passado da carência). Isso pode ser facilmente revertido quando você apresentar ao seu endócrino todos os regimes que já tentou com outros médicos e nutricionistas.

Sabendo desses requisitos, agora você já consegue identificar qual o seu tipo de plano.

O que você deve fazer?

Ligue no seu plano, naquele canal de atendimento e agendamento de consultas, e questione se eles possuem algum programa para pessoas que gostariam de fazer a cirurgia bariátrica, se eles tiverem, peça para agendar uma consulta para entrar no programa, se não, agende uma consulta com um endócrino.

Normalmente, na sua primeira consulta com endócrino, ele/ela calculará seu IMC, fará várias perguntas sobre seu histórico, dores, tipo de alimentação, rotina diária e pedirá exames de sangue para verificar vitaminas e até mesmo alguma possível doença relacionada a obesidade.

Nesta consulta você já pode dizer que deseja fazer a bariátrica, caso seu perfil se encaixe, ele te encaminhará para as consultas com o cirurgião Gastro, Nutricionista, Psicóloga, Pneumologista e Cardiologista.

Cada médico desse precisa te conceder uma carta, dizendo que você está apto a fazer a cirurgia. Isso pode levar um tempo (entre 2 a 4 meses), por que os médicos costumam pedir alguns exames e um retorno para verificar resultados e aí sim, poder liberar.

É possível que na primeira consulta você consiga a cartinha. Alguns médicos não pedem exames e fazem apenas avaliação local, escutam respiração, coração e etc.

Após todas as cartas você agenda a consulta com um cirurgião que atenda pelo seu plano.

Dica importante: PESQUISE MUITO SOBRE SUAS OPÇÕES, escolha com calma, você colocará sua vida na mão deste cirurgião, e precisa se sentir realmente segura em relação a ele. O cirurgião te encaminhará para a liberação da cirurgia. Vá preparada, escreva as dúvidas em um papel, não esqueça de dizer a ele todos os seus problemas físicos, suas limitações, para que ele te encaixe na melhor opção disponível de gastroplastia.

Vamos para o passo-a-passo resumido?

1º  Descobrir se seu plano de saúde tem carência;

2º Descobrir se seu plano de saúde tem equipe multidisciplinar para atender pacientes que desejam fazer a cirurgia bariátrica;

3º  Agendar uma consulta com Endócrino (se não tiver equipe multidisciplinar, agendar com endócrino do plano);

4º  Solicitar ao endócrino encaminhamento para iniciar o processo para a cirurgia bariátrica;

5º Agendar e comparecer a todas as consultas com os médicos solicitados pelo endócrino, normalmente os médicos são – psicólogo, nutricionista, pneumologista, cardiologista;

6º Voltar ao endócrino com todas as cartas dos 04 médicos acima e solicitar a carta do próprio endócrino;

7º Com as cartas na mão, verificar com seu plano quais são os cirurgiões que operam gastroplastia e pesquisar muito sobre quem você deseja optar;

8º Marcar consulta com o cirurgião e comparecer com todas as cartas na mão. Ele te dará o encaminhamento para solicitar a liberação na central do plano de saúde;

9º Vá a central com todas as cartas, exames, e a guia de encaminhamento do cirurgião e solicite a liberação;

10º Por lei, o plano tem 21 dias CORRIDOS para te dar a resposta.

Após a liberação você já pode marcar uma data com seu cirurgião. Alguns cirurgiões marcam a data antes da liberação, para agilizar o processo.

IMPORTANTE:

Alguns planos dificultam a liberação alegando que falta documentação e etc, pois eles tem procedimentos exclusivos que não estão nesta lista de dez passos. O que eu te aconselho? Caso você chegue no plano e eles comecem a te enrolar, mesmo você tendo passado o tempo de carência, ligue na ANS, ou faça a reclamação pelo site. Sempre que conversar com seu plano peça protocolos de atendimento, mesmo presencialmente.

Para falar com a ANS, você pode usar esses canais abaixo:

Usar o Disque ANS 0800 7019656. (PREFIRA O DISQUE ANS, É MAIS RÁPIDO)

Entrar em contato através do formulário eletrônico.

Bjinhos,

 

 

Despesas com remédios – 1ºmês de Pós Bypass

Olá queridos,

Estou recebendo vários questionamentos sobre quantos é gasto inicialmente  na gastroplastia bypass com remédios, vitaminas, reposições proteicas e etc.

Cada método tem seu gasto, por isso, falarei aqui sobre minha experiencia no método bypas (aquele que além da diminuição do estomago temos a redução do intestino). Fiz um pequeno quadro com os valores individuais para o 01 mês. Completo um mês de operação no dia 16/07.

2016-07-12 (1)-01

Então vamos lá para as explicações:

O sache de glutamina e o Fortifit são receitados pela nutricionista.

O sache é efervescente e eu optei pelo sabor de laranja, e tem o objetivo de reduzir os efeitos da perda de peso rápida no primeiro mês para os músculos do nosso corpo. É importante, mas nem todas as nutricionistas tem o hábito de receitar.

O Fortifit nada mais é que um suplemento hiper proteico e cheio de vitaminas para que não tenhamos anemia devido a redução drástica da alimentação e também da diminuição do intestino. Eu escolhi o sabor de morango, ainda não testei de baunilha. Ele é em pó e deve ser batido com água, prefira bater qualquer suplemento com mixer ou liquidificador, o sabor dele se dissolve melhor, não ficando empelotado e facilitando a ingestão.  Ele é o mais caro e também o que acaba mais rápido, no máximo, 20 dias, tive que comprar o meu segundo na semana passada.

O restante foi receitado pela minha endócrina, meu cirurgião me receitou apenas remédios para a dor na primeira semana de pós. Ele não se envolveu em nenhuma indicação de remédios repositores.

O NATELE é suplemento vitamínico e eu adquiri por que estava na minha receita, a capsula é gelatinosa e eu deveria ter começado a tomar no 10º dia de pós, meu cirurgião barrou e pediu que eu cortasse até os 30 dias (não autorizou a ingestão de comprimidos) e substituísse pela cápsula mastigável Barivit, custa em torno de 60 reais. Tem um sabor mentolado, mastigo 02 ao dia pela manhã. Assim que acabar já estarei autorizada a tomar o NATELE.

O NEUTROFER é a reposição de ferro, ATENÇÃO BARIATRICADOS E FUTUROS BARIATRICADOS, esse é um dos mais importantes remédios que vocês vão ingerir ao dia, não vacilem, falta de ferro é grave para nós, faz cair cabelo, dentes quebram, unhas quebram, ficamos pálidos e com muita indisposição. Tem um gosto estranho mas eu sempre tomo ele no horário das refeições, para não sentir o sabor por muito tempo, mastigo algo logo após, são 15 gotas pela manhã e 15 a noite. É escuro, espesso  e mancha roupas, tomem cuidado.

O CITRATO DE CÁLCIO esta na lista mas devo começar a toma-lo no dia 16/07, 01 capsula ao dia. Ainda não comprei mas pesquisei o preço para mostrar para vocês. Deveria ter comprado, mas como dia 16/07 terei que recomprar o Neutrofer, então compro os dois juntos.

O COLECALCIFEROL nada mais é que a vitamina D em forma de óleo, tem um gosto estranho, e é bem oleosa, tomo 30 gotas duas vezes na semana. Super tranquilo. Ali coloquei em cápsula, mas é em gota pessoal, comprem o de 25ml que dura dois meses e sai mais barato.

O CITONEURIM ou a famosa B12, devo tomar 01 injeção a cada 30 dias. Ainda não tomei, é uma injeção dolorida e estou me enrolando, quero tomar ainda essa semana.

Eu tomei alguns remédios na primeira semana de pós, mas são baratinhos, para dor, náusea e tosse que o cirurgião receitou.

Tirei uma foto dos meus remédios para vocês verem:

DSC003531-01

Notem que na imagem tem solução, que usei para fazer inalação na primeira semana e salompas, que minha amiga indicou, pois sai da cirurgia com uma dor insuportável nas costas e no ombro esquerdo, depois que tirei o dreno a dor acabou.

Qualquer dúvida é só perguntar,

Você pode me acompanhar nas redes também:

https://www.instagram.com/poliprzybyszewski/

https://www..snapchat.com/poliprzybyszews

https://br.pinterest.com/polianaprzybysz/

https://www.facebook.com/blogmissbigg/

https://twitter.com/polimissb

https://www.youtube.com/channel/UCI6LQEKz6BaK2rokb5ar62w 

 

Bjinhos,

Cronograma Alimentar 1º Semana – Gastroplastia

 Cronograma Alimentar 1º Semana – Gastroplastia

Para a gastroplastia cada nutricionista passa um cronograma pós operatório que dura cerca de 20 a 30 dias. É nos exigido que a alimentação pós seja feita em horários e quantidades corretas, para uma boa cicatrização dos pontos internos no estomago.

Normalmente voltamos na nutricionista entre o 20º ao 30º dia de pós para que ela pese e repasse a próxima etapa de dieta. Abaixo fiz um quadro com todos os meus horários, incluindo remédios.Cronograma Alimentar - PRIMEIRA SEMANA

Como o estomago está menor, o processo de digestão é mais rápido, os alimentos ficam cerca de 10 minutos apenas no estomago, a quantidade é muito menor de comida e você se sente satisfeito rapidamente.

Pontos negativos:

Falta de mastigação: eu escutei essa reclamação de várias pessoas, eu pessoalmente não tenho problema com falta de mastigação, então não me incomodei com isso.

Enjoo: os temperos costumam enjoar nos primeiros dias, por isso, meu conselho é não misturar muitas coisas. Por exemplo, nos caldos salgados, não misturar um monte de verduras, coloque 01 batata e um pedaço de frango, no próximo, uma cenoura e um pedaço de carne. Lembrando que nesta etapa é apenas o caldo do cozimento com temperos naturais sem óleo e sal magro.

Rejeição: Eu não consegui ingerir por mais de 03 dias os caldos salgados, tentamos de tudo, a ânsia me consumia. Abandonei o caldo e fiquei na gelatina, iogurte e água, não senti fraquezas, nem queda de cabelo, como tomamos os suplementos, não senti fraquezas.

Ansiedade: A recuperação da primeira semana parece uma eternidade, não podemos fazer esforço, caminhadas leves e tudo deve ser cronometrado. Não tive grandes dificuldades em relação a comida, mas em relação a lidar com a ansiedade dos dias passando e alguns incômodos e dores que sentimos devido aos gases.

Cada nutricionista e equipe médica tem um cronograma, por isso, você deve verificar com sua nutricionista como será o seu e quais as recomendações, não muda muito do cronograma que mostrei a vocês, notei que todos são bem parecidos.

Acho que é isso,

Bjinhos.

 

 

MEU DIÁRIO PÓS-CIRÚRGICO – SEGUNDA SEMANA

Olá queridos,

MEU DIÁRIO PÓS-CIRÚRGICO – SEGUNDA SEMANA  – GASTROPLASTIA

Dia 30 completei 14 dias de cirurgia. Com uma ótima recuperação, já sem usar nenhum curativo, caminhando normalmente, fazendo alguns serviços de casa e etc.

Minha atualização de peso está abaixo, ainda perdendo cerca de cinco quilos por semana.

Modelo Facebook - ATT PESO03-01

 

Já estou tomando as reposições de vitaminas.

Essa semana foi de mudança, então, com aquela correria não consegui fazer os posts planejados.

Já normalizo na próxima semana.

Bjinhos.

Vamos falar sobre dieta pré-operatória para Gastroplastia?

Olá queridos,

A gastroplastia exige alguns cuidados alimentares muito detalhados no pré-operatório.

Minha nutricionista indicou apenas líquidos no dia anterior a cirurgia. A anestesista indicou alimentações leves e sem temperos industrializados.

O importante aqui é entendermos que a cirurgia bariátrica irá alterar todo o nosso sistema digestivo, e isso deve ser tratado como uma grande mudança de hábitos, e requer que nós nos esforcemos para manter a alimentação conforme orientação, com o objetivo de facilitar a adaptação do organismo no pós-operatório.

Cada cirurgião age de um jeito, alguns pedem para perder 10% do peso para operar com o objetivo de facilitar o manejo dos órgãos dentro do abdômen que terá menos gordura, alguns pedem que você evite alimentos gordurosos e o ganho de peso até a cirurgia, e também vi relatos de cirurgiões que indicam dieta totalmente liquida de até 15 dias antes da cirurgia, para que nosso psicológico e organismo se adapte à dieta líquida pós-operatória.

O que eu fiz?

Modelo Facebook - DIETA PRE OPERATORIA-01

Mantive uma dieta leve por 14 dias, comendo apenas purês e carnes desfiadas, ou comidas de fácil digestão ao organismo.

As sopas podem ser preparadas com legumes e batidas no liquidificador, não é permitido a ingestão de alimentos em pedaços, tudo deve ser triturado.

Receita da minha sopa pré-operatório:

3 batatas inglesas; 2 batatas salsa; 1/2 chuchu;  1 cenoura; 1 folha de couve;  1/2 cabeça de alho; cheiro verde a gosto; 2 pitadas de sal do himalaia ou sal magro;

Cozinhe as batatas, chuchu e cenoura por aproximadamente 12 minutos na panela de pressão;

Após, junte todos os ingredientes com 2 xícaras de água e bata no liquidificador;

Jogue a pasta em uma panela e cozinhe por aproximadamente 10 minutos em fogo baixo, caso fique muito grossa, vá adicionando água até atingir uma consistência que te agrade.

Desligue e aproveite. Rende aproximadamente 04 porções.

¬ Eu gosto de caldo bem líquido, acredito que fica mais saboroso, e tomo apenas na caneca, sem usar colher.

É isso queridos,

 

Não esquece de curtir a página da MISSBIGG para mais atualizações, https://www.facebook.com/blogmissbigg

Bjinhos,